A maioria dos homens ainda não cuida do cabelo como deveria — nem sequer sabe que existem diferentes tipos de cabelo. Pelo fio ser mais curto, muitos usam qualquer produto — às vezes lavam com sabão ou com o shampoo da namorada — e, com isso, prejudicam a saúde dos fios.

Cada pessoa tem um tipo de cabelo e isso vale também para os homens. Isso quer dizer que existem cuidados e produtos apropriados para cada um. O primeiro passo é identificar qual é o seu tipo de cabelo.

Pensando nisso, nós desenvolvemos este post. Nele, você vai poder conhecer os tipos de cabelo, identificar o seu e aprender a cuidar melhor dele. Confira!

Cabelo liso

O primeiro tipo de cabelo que vamos conhecer é o fio liso. Diferente do que muitas pessoas pensam, esse não é o tipo de cabelo mais comum no Brasil. Para um cabelo ser considerado liso, é preciso que ele não possua nenhuma ondulação da raiz até as pontas, independente do comprimento.

Quem tem esse tipo de cabelo possui mais maleabilidade no fio, que se movimenta com bastante facilidade. A primeira dica para você cuidar corretamente desse tipo de cabelo é procurar um shampoo e um condicionador específico para o fio.

Para isso, basta fazer uma rápida leitura da embalagem na hora da compra e ver quais fios a fórmula beneficia. Um dos melhores componentes que você pode investir é a queratina. Só não lave seus cabelos todos os dias com produtos que contenham essa substância, beleza?

Como o sebo natural do couro cabeludo não encontra barreiras até as pontas, o fio liso é naturalmente mais oleoso que outros tipos de cabelo. Por isso, é importante tomar alguns cuidados, como não lavar o cabelo com tanta frequência — não precisa ser todos os dias.

Além disso, não é recomendado utilizar condicionador em todas as lavagens — procure usar uma vez por semana —, produtos muito oleosos e não passar shampoo demais para evitar o efeito reboot.

Por fim, é preciso hidratá-lo com certa frequência e não é indicado usar muitos produtos no cabelo liso para que ele não pese e fique com aspecto sujo. Por isso, pode ser uma boa apostar nos produtos 2 em 1 e nos fixadores.

Cabelo ondulado

O cabelo ondulado é um dos mais comuns no Brasil. Para identificar esse fio, observe se existem ondulações no comprimento do seu cabelo. São ondulações irregulares, sem muito formato, que tendem a dar um certo volume.

Essa ondulação pode ter vários níveis, mas nunca chega a fechar o fio em um espiral. O cabelo ondulado pode ser mais oleoso ou ressecado, mas essa é uma característica que varia de pessoa para pessoa.

O primeiro passo sempre deve ser a escolha do shampoo adequado, assim como o condicionador. Evite também usar opções femininas, já que elas costumam possuir os cabelos maiores e as fórmulas são mais pesadas.

A vantagem do cabelo ondulado é que você consegue modelar os fios com maior facilidade que em um cabelo liso, por exemplo. Então você tem mais opções para escolher como quer sair de casa.

Se você gosta de cabelos mais lisos e disciplinados, use mais condicionador e adote um creme de pentear após as lavagens. Quanto mais produto houver no seu cabelo, mais ele ficará pesado — só procure não exagerar.

Caso você prefira seu cabelo modelado, o ideal é não pesar tanto nos produtos e escolher as opções que te ajudam a dar forma, como as pomadas, pastas e modeladores.

Cabelo cacheado

O cabelo cacheado é muito fácil de identificar graças às espirais que são formadas por esse tipo de fio. Eles também são bem comuns no Brasil e, geralmente, precisam de um cuidado maior para ficarem mais bonitos.

Cabelos cacheados não ficam bem com cortes curtos. Ele precisa de espaço para criar sua forma, então um fio muito limitado tende a ficar armado e difícil de controlar.

Eles também costumam ser mais ressecados em comparação aos cabelos lisos e ondulados. Isso acontece porque o sebo natural do couro cabeludo encontra várias “barreiras” antes de chegar até as pontas, o que o torna mais seco.

Por isso, é bacana procurar hidratar algumas vezes no mês e investir em produtos que também promovam essa hidratação — mesmo que seja um simples shampoo.

Também é recomendado não lavar os cabelos muitas vezes na semana e não levar o shampoo para as pontas — manter o produto só na raiz. Para o condicionador, a regra é ao contrário: mantenha o produto nas pontas e não leve para a raiz.

Qualquer cabelo precisa que você procure por um produto indicado para o tipo de fio, porém, um cabelo cacheado bonito depende totalmente disso. Isso acontece porque eles precisam de composições que os ajudem a enrolar e não é qualquer produto que promove isso. Então, se você quer um cabelo cacheado bonito, não deixe de investir em linhas que beneficiem esse fio.

Cabelo crespo ou afro

O cabelo afro também é bem fácil de ser identificado, porém eles não são todos iguais. Alguns possuem os cachos mais abertos, já outros são extremamente fechados. Mas, independentemente do tipo de cabelo, esse fio tende a ter um ressecamento e uma porosidade muito maior que os outros tipos de fio, o que o torna ainda mais frágil.

Por isso, se você quiser manter esse cabelo bonito e saudável, é importante tomar alguns cuidados e o maior é, sem dúvidas, a hidratação. Por isso, a primeira dica é que você não exagere no shampoo.

O sulfato presente na maioria das composições químicas desse produto tira a oleosidade natural dos cabelos e isso o resseca ainda mais. Também procure não lavar o cabelo tantas vezes na semana.

Uma alternativa é optar pela lavagem co-wash, que é uma espécie de limpeza do couro cabeludo com condicionadores que limpam e ao mesmo tempo hidratam. Outra dica é procurar por shampoos livres de sulfato.

Você também deve hidratar esse tipo de cabelo todos os dias. Sim, nós sabemos que provavelmente você não tem tempo para isso, então a dica é apostar nas hidratações de chuveiro com ação rápida.

Esses produtos geralmente precisam agir no cabelo por apenas 5 minutos. Mesmo assim, é bacana que você dê atenção à hidratação ao menos uma vez na semana.

Para complementar, você também pode fazer uso de óleos naturais. Aqui, a dica de ouro é ter cuidado na hora de dormir. Procure usar fronhas de seda, já que as de algodão aumentam o frizz e quebram os fios.

Viu só como os tipos de cabelo precisam de cuidados específicos? Não é questão de “frescura” e sim de ter um fio bonito e saudável, independentemente do tipo. Isso ajuda na autoconfiança e na autoestima. Por isso, não deixe de colocar essas dicas em prática, combinado?

E aí, gostou do conteúdo do post? Quer aprender ainda mais sobre esse assunto? Então confira agora mesmo como cuidar da barba e cabelos tingidos!

 

Escreva um comentário

Share This